Israel envia ajuda humanitária à comunidade judaica da Etiópia
31/07/2020 19:09 em Mundo

A Agência de Cooperação Internacional para o Desenvolvimento de Israel (MASHAV) enviou na segunda-feira (27) ajuda humanitária urgente à comunidade judaica Beta de Yisrael na Etiópia.

Eles estão localizados nas proximidades da cidade de Debre Berhan, situada a cerca de 120 km da capital Adis Abeba.

Devido à pandemia de coronavírus (Covid-19) e à deterioração da situação econômica, os membros da comunidade sofrem com uma grave escassez de produtos alimentares básicos.

A ajuda, que passou pela embaixada de Israel na Etiópia, inclui pacotes de alimentos e produtos de higiene fornecidos a 100 famílias.

Outro envio de ajuda humanitária para outras comunidades carentes está planejado para o futuro próximo.

Membros da comunidade Beta Yisrael continuam imigrando para Israel, o último grupo de 34 imigrantes que chega ao aeroporto Ben Gurion na quinta-feira (23).

Em março, 72 imigrantes etíopes da comunidade Falash Mura desembarcaram em Israel.

Os Falash Mura são membros da comunidade judaica Beta Yisrael na Etiópia que se converteram ao cristianismo durante os séculos XIX e XX. Alguns foram forçados a fazê-lo. Alguns já retornaram ao judaísmo.

O ex-rabino-chefe Ovadiah Yosef declarou em 2002 que os Falash Mura haviam se convertido por medo e perseguição e, portanto, deveriam ser considerados judeus.

Fonte: Guiame

COMENTÁRIOS