Peso usado para enganar no comércio e criticado na Bíblia é encontrado em Jerusalém
09/09/2021 15:50 em Novidades

Arqueólogos descobriram um peso usado para o comércio na antiga Jerusalém que os estudiosos acreditam ter sido usado para fraudar comerciantes.

Descoberto na parte norte da Cidade de Davi, na Cidade Velha de Jerusalém, e datando de 2.700 anos atrás durante o período do Primeiro Templo, o peso encontrado tem de apenas 14 mm de diâmetro e 12 mm em altura, e é apenas o segundo desse tipo a ser encontrado em Israel.

Feito de calcário duro, o peso continha gravuras indicando que tem o peso de dois gerah, o que equivale a 0,944 gramas.

Apesar disso, porém, o peso não pesa dois gerah. Em vez disso, os pesquisadores descobriram que pesava pelo menos 3,61 gramas, cerca de três vezes mais.

Embora isso possa parecer estranho, Eli Shukron e Hagai Cohen Kolonimus da Universidade Hebraica de Jerusalém dizem que a explicação provável é que quem usou esse peso no comércio o estava usando para enganar as pessoas.

Desonestidade

Na verdade, esse tipo de golpe é amplamente descrito na Bíblia, onde é duramente criticado.

“Na tua bolsa não terás pesos diversos, um grande e um pequeno”, diz Deuteronômio 25: 13-16. "Na tua casa não terás dois tipos de efa, um grande e um pequeno. Peso inteiro e justo terás; efa inteiro e justo terás; para que se prolonguem os teus dias na terra que te dará o Senhor teu Deus. Porque abominação é ao Senhor teu Deus todo aquele que faz isto, todo aquele que fizer injustiça."

Outra citação de Provérbios 20: 23 diz: "O Senhor detesta pesos diferentes, e balanças desonestas não lhe agradam."

E uma terceira citação de Levítico 19: 36 diz: “Use balanças honestas e pesos honestos, um efa honesto e um him honesto. Eu sou o Senhor teu Deus, que te tirou do Egito.”

Fonte: Guiame

COMENTÁRIOS